Acidente ocorreu na região de Montes Claros. Até helicóptero foi utilizado para auxiliar o socorro às vítimas.

Sete pessoas morreram e 39 ficaram feridas em um grave acidente na BR-251, em Grão Mogol, no Norte de Minas, na manhã deste sábado (13). A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros e Samu por volta das 12h. Segundo os órgãos, onze pessoas estão em estado grave, uma em estado gravíssimo e 27 sofreram ferimentos leves.

De acordo com os bombeiros, o acidente envolveu uma van, um micro-ônibus e duas carretas. Uma delas transportava papel e pegou fogo. As causas do acidente serão investigadas. A rodovia está interditada próximo ao Povoado de Bocaina, em Grão Mogol, e segundo a Polícia Rodoviária Federal não há previsão para liberação.


Rodovia está interditada e sem previsão de ser liberada. De acordo com o Corpo de Bombeiros, 39 pessoas ficaram feridas e 13 morreram; causas do acidente serão investigadas.

Treze pessoas morreram e 39 ficaram feridas em um grave acidente na BR-251, em Grão Mogol, no Norte de Minas, na manhã deste sábado (13). Seis corpos foram encontrados debaixo das ferragens dos veículos. Segundo o Samu e os Bombeiros, onze pessoas estão em estado grave, uma em estado gravíssimo e 27 sofreram ferimentos leves.

O acidente envolveu sete veículos: um caminhão que fazia o transporte de outro caminhão; dois micro-ônibus; duas carretas; uma van. Segundo Joana Dark, da Polícia Rodoviária Federal, o acidente ocorreu assim: um caminhão fazia o transporte de outro caminhão no sentido Montes Claros e invadiu a contramão.


Pelo menos 30 pessoas ficaram feridas e quatro morreram em um grave acidente na BR-251, em Grão Mogol, na manhã deste sábado (13).

A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros; segundo o órgão, seis pessoas estão em estado grave e 18 sofreram ferimentos leves.  Ainda de acordo com os bombeiros, o acidente envolveu um carro de passeio, um micrô-onibus, duas vans e uma carreta carregada de cadernos, que pegou fogo. As causas serão investigadas.

A rodovia está interditada nos dois sentidos e segundo a Polícia Rodoviária Federal não há previsão para liberação; a PRF ainda não informou quantos quilômetros de congestionamento.  Segundo o Samu, ambulâncias do suporte avançado e básico de Montes Claros, e unidades de Francisco Sá, Salinas, Cristália e Porteirinha se deslocaram para o local do acidente. 


O roubo de cargas em estradas da Bahia sofreu um aumento de 105% entre os anos de 2011, com 215 casos, e 2016, com 441 roubos. Os dados de 2017 ainda não foram concluídos pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA). 

Com o aumento deste tipo de crime, também cresceu o prejuízo sofrido pelas empresas, que em 2011 era de R$ 13,4 milhões e saltou para R$ 27,6 milhões em 2016. Os dados foram mostrados pela pesquisa nacional da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), divulgada ano passado.

O ranking colocou a Bahia na quinta posição, com 1,998 casos entre 2011 e 2016. Em primeiro lugar aparece São Paulo (49.212), seguido de Rio de Janeiro (33.240), Minas Gerais (3.987) e Goiás (2.010). // Agência Brasil


Um garoto de 9 anos, que enfrentava um câncer terminal, gastou todas as suas forças para viver por tempo suficiente até conhecer sua irmãzinha, cujo nome foi escolhido pelo próprio garoto.

Nos últimos 15 meses de vida o garoto lutou contra um linfoma não-Hodgkin (doença rara que afeta o sistema imunológico da vítima). Pouco antes de morrer, Bailey Cooper escolheu o nome da irmã, Millie, nascida no final de novembro, e aguardou até a véspera do Natal para abraçar a garota. No mesmo dia o garoto veio a óbito.

O garoto era filho de pais divorciados. A mãe de Bailey disse: “Não achávamos que ele duraria tanto tempo, mas ele estava determinado a conhecer Millie. Os médicos afirmaram que ele não conheceria a irmã”. A família sabia que o garoto não resistiria até o natal, no dia seguinte. Aos pais divorciados o garoto disse: “Você só pode chorar por 20 minutos. Você precisa cuidar de Riley e Millie”.


Rosimeire Costa da Cruz, 52 anos, foi encontrada morta com fio enrolado ao pescoço. O corpo estava em estado de putrefação.

Vista pela última vez na segunda-feira (8), a funcionária aposentada dos Correios Rosimeire Costa da Cruz, 52 anos, foi encontrada morta com um fio de aço enrolado no pescoço, na noite desta quarta-feira (10), dentro da própria casa, no bairro Brasília, em Feira de Santana.

O corpo estava em estado de putrefação. A polícia investiga o caso como latrocínio na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR). Os investigadores não encontraram o carro de Rosimeire, um Kia Soul, além da bolsa dela com sua carteira e celulares. O corpo de Rosimeire foi encontrado por volta das 20h, na casa de número 951 situada na Rua Pilar do Sul, onde morava sozinha no imóvel,que passava por reforma. De acordo com a polícia, o corpo estava de bruços, no banheiro. Assista o Vídeo:


O afogamento aconteceu nesta Sexta-Feira (12/01), o menino teria pulado na água no momento em que a tia estava dormindo. Criança chegou a ser socorrida e levada para hospital da região, mas não resistiu.

O garoto João Neres de 2 anos morreu após se afogar na piscina da casa da tia dele, na manhã desta sexta-feira (12), na Lagoa das Flores, em Vitória da Conquista, na região sudoeste da Bahia. A informação foi confirmada pela Polícia Civil. A situação ocorreu na zona rural do município.

De acordo com informações do Hospital de Base de Vitória da Conquista, para onde a criança chegou a ser levada após se afogar, o menino teria pulado na água no momento em que a tia estava dormindo. Conforme a unidade de saúde, o garoto foi atendido no ambulatório do hospital, mas não resistiu e morreu no local.


Jovem de prenome Gustavo teria passado mal e desmaiado dentro da água, onde morreu nesta sexta (12). Corpo foi enviado ao IML de Brumado.

Um adolescente de 17 anos, com pronome Gustavo, morreu afogado nesta sexta-feira (12) em uma Barragem no Distrito de Sussuarana, na cidade de Tanhaçu, no Sudoeste da Bahia.

Segundo apurado, ele estava tomando banho, momento em que Gustavo, foi localizado morto por familiares de São Paulo que estava conhecendo o local. A vítima morava na Fazenda Ladeira.