Bahia: “Padeiro” é preso por abusar criança de 6 anos em Itabuna

Depois do crime, a mãe e vizinhos iniciaram um linchamento do suspeito, porém, a PM chegou antes e conduziu o elemento para o Hospital de Base, depois para depoimento a delegada de plantão.

A Polícia Militar prendeu um homem identificado como José Nunes de Oliveira Filho, 58 anos, o “Padeiro”, natural de Uruçuca, morador do bairro Califórnia, em Itabuna. Ele é acusado de abusar sexualmente de uma menina de seis anos, com as iniciais M.A, que é sua vizinha. O crime ocorreu na noite de domingo (9), após uma partida de futebol.

Segundo a delegada Divanice Dias, plantonista das últimas 24 horas, revelou que o suspeito nega o crime, porém, considera relevante o depoimento da vítima. “A menina narra exatamente o corrido, ela diz que “Padeiro” lhe ofereceu R$ 2,00, e na casa dele, ele manda a menina afastar a calcinha e começa a alisar suas partes íntimas”, revela. A delegada ainda enfatiza o interrogatório da mãe de M.A, quando a mulher recorda que bebia com uns amigos depois de uma partida de futebol, lembrando que “Padeiro” saiu e chamou a filha dela para pegar o dinheiro. “Ele ofereceu R$ 2,00, para ela comprar um refrigerante, falei para ela não ir, quando vi, a menina já estava na casa dele”, diz.

Ainda conforme o depoimento da mãe da vítima, após algum tempo ela percebeu o afastamento da menina, então a procurou na casa de “Padeiro”, chegando lá, viu a porta aberta, ao entrar, flagrou o indivíduo alisando a vagina da filha dela e com o pênis fora do short. “Ela disse que nesse momento partiu para cima do acusado com chutes e socos, depois pegou uma panela e começou a lhe agredir. Fato confirmado pela menina de seis anos”, conclui a delgada. Segundo a polícia, além da mãe de M.A, vizinhos também iniciaram um linchamento, porém, a PM chegou antes e conduziu o elemento para o Hospital de Base, depois para depoimento a delegada de plantão.

Verdinho Itabuna


Comentários

Os comentários estão fechados.