Uma briga entre irmãos quase termina com uma tragédia.

 Ao tentar separar uma briga entre irmãos, a adolescente L. da S., de 14 anos de idade, foi atingida por uma faca, que ficou cravada no lado esquerdo da cabeça. O caso ocorreu na região de Araripina, em Pernambuco.

Segundo informações da Polícia, o responsável pelo golpe foi um adolescente de 13 anos, que usou a faca para atingir o irmão durante a briga, porém, acabou acertando a jovem. O rapaz confessou que arremessou o objeto.


Um vídeo que está circulando nas redes sociais mostra uma aluna, de 14 anos, sendo agredida por um estudante dentro de aula de uma escola em Natividade, no interior do Rio de Janeiro. A denúncia foi feita no Facebook pela prima da vítima.

Na denúncia, Kethelleen Petrova conta que pôde “sentir na pele” o que ver uma pessoa tão próxima ser mais uma vítima da violência contra as mulheres no Brasil. “O que mais me choca foi o ato COVARDE, ela é mulher, mais fraca, e mais nova”, escreve.

A prima diz que o Colégio Estadual Flávio Ribeiro De Rezende, onde aconteceu a agressão, tentou esconder a situação. “Já perderam o controle do que acontece dentro das salas de aula há muito tempo. Não tomam atitude diante do Bullying sofrido, da agressão verbal e física, aquele famoso ditado ‘Já virou bagunça’”, diz. Assista o vídeo:


Perder ou extraviar documentos é sempre algo complicado, não somente pelo motivo da perda (roubo ou assalto, por exemplo), mas também pelo transtorno em ter que ir atrás de refazer tudo. 


Perder documentos como passaporte ou identidade acaba gerando alguns transtornos maiores, porque você normalmente precisa ficar em fila, pegar senha e tudo mais. Porém, o documento mais simples de ser reavido na atualidade é o CPF.

O Cadastro de Pessoas Físicas serve para registrar toda e qualquer pessoa que vive no Brasil. Os cadastrados recebem um cartão, o comprovante de inscrição no CPF, com um número de 11 dígitos. 


O cantor e vocalista da Banda Torpedo, Deivison Kellrs, foi diagnosticado com câncer no fígado em julho de 2017.

Desde lá, o músico vem travando uma longa batalha com a doença, precisando se afastar dos palcos para realizar o tratamento. De aparência fraca e abatida, o artista apareceu na última quarta-feira (25) no Programa Interativo do SBT.

Logo quando anunciou a doença, Deivison criticou a falta de apoio da cena do brega pernambucano, afirmando que diversos artistas e produtores do meio não ofereceram nenhum tipo de conforto e carinho.  Em sua primeira entrevista após o diagnóstico no Programa Viver, o cantor de 29 anos revelou que apenas a família e os amigos mais próximos demonstraram apoio.


Um homem foi preso em flagrante após ameaçar matar o filho de três meses com um martelo.

A ação ocorreu depois que, embriagado, ele discutiu com a esposa em Santo Antônio do Descoberto, na Região Metropolitana do Distrito Federal. Um vídeo gravado pela Polícia Militar de Goiás mostra a negociação dos policiais com o homem para que libere o bebê.

Na gravação, o homem aparece sentado na cama com o filho no colo com um martelo na mão direita. No diálogo com um militar do 17º Comando Regional de Polícia Militar, o suspeito diz que a raiva da esposa e que ele “iria para o jogo”. Em seguida, o policial pede para conversar e ele nega. Outro policial entra na negociação. Veja o Vídeo:


O capixaba hoje morador da cidade de Una, litoral sul da Bahia, foi uma das das vozes a conquistar a última vaga da noite na primeira fase da 7ª temporada do programa The Voice Brasil, da Rede Globo.

Edson esbanjou simpatia após o show que deu no palco. No palco, o participante apostou no hit “Se For Para Judiar”, de Gusttavo Lima, e após três jurados virarem para o rapaz, ele acabou escolhendo o time de Ivete Sangalo.

Segundo o próprio Edson, foi o amor que trouxe ele para morar na cidade de Una. Edson, 32 anos, se mudou com a esposa e trabalha como pode, no plantio de pimenta. O cantor falou que reside na zona rural Ele conquistou os jurados também pela sinceridade. Veja O vídeo: 


Um crime chocou a população de uma pequena cidade do interior de Goiás na última quarta-feira (23). Uma mulher de 21 anos e sua filha recém-nascida de apenas 8 dias de vida foram executadas a tiros dentro da própria casa.

Segundo informações da Polícia Civil, o crime aconteceu por volta das 15h30, quando Laura Catrine da Conceição estava em casa com o bebê e um homem teria pulado o muro da casa da jovem, invadido a porta da cozinha e começado a disparar.

O delegado responsável pelo caso, Renato Rodrigues Oliveira, contou que familiares relataram que a jovem estaria sendo ameaçada por um ex-namorado, que seria foragido do presídio de Jaraguá. “Nós vamos ter que ver certinho esta questão de relacionamentos anteriores, de ameaças que ela sofreu para realmente chegar neste ponto, se foi um feminicídio, se foi um crime passional ou não”, disse o titular.


Um homem de 38 anos foi preso em flagrante na tarde de terça-feira (24), após tentar sequestrar uma criança de três anos, no bairro Lageado, em Campo Grande/MS.

A mãe contou aos policiais militares que o filho estava brincando na calçada de casa quando o sequestrador passou pegou ele no colo e saiu correndo. Conforme informações da Polícia Militar, a mãe de 36 anos, ouviu a criança gritando por socorro, momento em que saiu pela rua e foi atrás do seu filho que estava sendo levado. Ela conseguiu alcançar o sequestrador, bateu nele e conseguiu tomar a criança.


O policial civil Jorge Henrique Banha, de 48 anos, se matou com um tiro na boca após disparar contra dois jovens, tendo matado um, e constatar que um deles era filho de um colega seu da corporação.

A tragédia aconteceu por volta de 21h30, de sexta-feira (6), em uma distribuidora de bebidas localizada na Av. Padre Manoel da Nóbrega, Jesus de Nazaré, Centro de Macapá/AP. De acordo com testemunhas, os dois jovens, Ricardo Brito Oliveira, de 22 anos, e Ronald Willian Souza de Oliveira, de 21 anos, chegaram ao estabelecimento em um carro branco, estacionaram e entraram para comprar algo.


O corpo de uma jovem foi encontrado, na manhã de segunda-feira (2), no Pátio da Estação, no centro de Barra do Piraí (RJ). Um jovem identificado como Jhonatan Nunes Lima de Souza, de 24 anos foi preso no mesmo dia, apontado como autor do crime.

A Polícia Civil divulgou nesta terça-feira (3) as imagens de uma câmera de segurança que mostram o momento que a jovem Johanna Cerqueira, de 19 anos, é conduzida por Jhonatan, ao local do crime, pouco tempo antes de ser assassinada por ele.

Segundo a Polícia Civil, nas imagens é possível ver o jovem levando a vítima ao pátio da estação ferroviária, no Centro. Ele fica no local por uma hora e meia, e depois sai sozinho. Através destas imagens, o suspeito foi identificado e preso na tarde de segunda-feira (2). Assista:


Um professor foi morto a tiros, na manhã da última quarta-feira (27), na cidade de Guaiúba, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

O crime aconteceu na Escola de Ensino Fundamental e Médio José Tristão Filho, localizada na Rua Maria do Carmo, 100. Segundo informações colhidas pela Polícia no local do crime, um aluno invadiu a escola e atirou contra o professor, que era também o coordenador da unidade de ensino, em sala de aula, diante de vários colegas. Em seguida fugiu. Os dois haviam discutido anteriormente.

De acordo o M Ceará, o professor, cujo nome não foi revelado, foi baleado no tórax e abdome. Uma equipe de socorristas foi enviada ao local, mas a vítima não resistiu aos ferimentos.


Tamara Maiochi, 30 anos, morreu depois de cair e cortar o pescoço em estilhaços de uma taça de vidro na tarde da quarta-feira (27) em Itatiba, no interior de São Paulo.

As informações são do G1 Sorocaba. Testemunhas contaram à polícia que Tamara celebrava a vitória do Brasil contra a Sérvia, na rodada final da fase de grupos da Copa do Mundo. Ela se desequilibrou ao levantar de uma cadeira, sofreu a queda e acabou se ferindo.

Amigos que estavam celebrando com ela tentaram impedir o sangramento de continuar e chamaram os serviços de resgate. Apesar dos esforços, Tamara morreu no local. “Ela estava com a taça na mão e mais um celular na outra. Em seguida, ela escorregou, foi se apoiar na mesa e a taça atingiu no pescoço. A investigação continua, mas tudo indica que realmente foi acidente”, diz o delegado Luciano Carneiro de Paiva. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Jundiaí. O enterro acontece nesta sexta em Conchal, também no interior de São Paulo, cidade onde a vítima nasceu. Ela vivia sozinha em Itatiba.