Entrevistado no Jornal Nacional na noite de sexta-feira (14), o agora candidato à Presidência da República pelo PT, Fernando Haddad, foi confrontado com uma pergunta a acerca dos membros do PT – entre os quais os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva, e Dilma Rousseff, ex-ministros, tesoureiros e dirigentes partidários – que são condenados, réus ou investigados na Operação Lava Jato.

Em reposta, o presidenciável disse que alguns dos nomes citados já teriam sido excluídos de processos. “Na verdade, o financiamento empresarial de campanhas criou uma série de brechas que permitiram a pessoas, algumas tentarem ajudar o partido de forma irregular e outras enriquecerem pessoalmente. Agora, eu não condeno ninguém por antecipação. Você citou pessoas que já foram, inclusive, excluídas de processos penais”, afirmou Haddad.


Os casos de agressão à mulher estão virando rotina no Brasil. Todos os dias há relatos de crimes brutais de feminicídio – crimes relacionados ao gênero feminino. No estado do Pará, durante uma festa, um homem demonstrou interesse e resolveu paquerar uma moça, mas por ter sido rejeitado o covarde deu murro em seu rosto e a jovem caiu inconsciente.

Algumas pessoas tentaram evitar, mas também foram ameaçadas pelo covarde. De acordo com informações, a vítima passa bem. A Polícia investigará o caso. Veja vídeo:


A Polícia Civil de Minas Gerais prendeu Vinícius Alves da Fonseca, de 21 anos, suspeito de simular o próprio sequestro para tomar dinheiro de sua família. O caso aconteceu em Carmo do Cajuru, na Região Centro-Oeste do estado, na tarde desta terça-feira (11).

Segundo a polícia, o suspeito manobrou a extorsão por meio de uma mensagem enviada a um amigo e a familiares na segunda-feira (10). No texto, ele dizia que havia sido abordado por um grupo de cinco homens no Bairro Vitória e que estava no porta-malas do seu próprio carro. Vinícius disse, ainda, que havia sido assaltado.

Com a informação em mãos, a família acompanhou o caso durante toda a madrugada e mantinha contato com o jovem. A Polícia Civil só foi acionada na manhã de hoje, quando os parentes começaram a receber ligações de uma linha telefônica diferente, que seria a dos falsos sequestradores.


Nesta quarta-feira (12), uma idosa de 98 anos ficou presa embaixo do corpo da filha morta, de 55 anos, por ao menos quatro dias em Cuiabá. De acordo com a Policia Militar da região, o caso foi descoberto após uma denúncia de vizinhos, que notaram o sumiço das duas. Os policiais arrombaram a porta da casa e encontraram a idosa consciente, sob o corpo da filha, dentro de um dos quartos.

Os policiais ainda informaram que a idosa não conseguia falar e não tinha forças para sair debaixo do corpo da vítima, que já estava em estado avançado de decomposição. 


O cantor descobriu o câncer no começo de 2017, ocasião em que afirmou que havia parado de beber e reduzido o número de cigarros que fumava… Morreu na tarde deste domingo (9), em São Paulo, aos 49 anos, o funkeiro Mr. Catra. Ele lutava contra um câncer no estômago e estava internado no Hospital do Coração (HCor)

A assessoria de imprensa do cantor enviou comunicado oficial sobre a morte. “É com enorme pesar que comunicamos o falecimento do amigo e cliente, Wagner Domingues Costa o Mr Catra, que nos deixou na tarde deste domingo, 09, em decorrência de um câncer gástrico. O cantor e compositor estava internado no hospital do Coração (HCor), em São Paulo, e já vinha lutando contra a doença. A informação foi dada a família pelo cirurgião oncológico, Dr. Ricardo Motta, por volta das 15h20 da tarde. Catra deixou três esposas e 32 filhos. Neste momento de sofrimento, agradecemos o carinho, cuidado e compreensão dos amigos da imprensa, e pedimos, gentilmente, para que respeitem o momento de tristeza da família”, diz o comunicado enviado pela assessoria de imprensa do funkeiro.


A criança, de aproximadamente 2 anos, escapou com ferimentos leves e mãe acabou morrendo presa nas ferragens do ônibus. Uma mulher de 27 anos morreu após um ônibus colidir com um caminhão na Avenida Alberto Craveiro, no Bairro Boa Vista, em Fortaleza. O acidente ocorreu na tarde desta segunda-feira (10).

A mãe estava com o bebê nos braços. Ao perceber que haveria a colisão, ela jogou a criança para um homem que evangelizava dentro do ônibus. A mulher acabou morrendo presa nas ferragens; e a criança, de aproximadamente 2 anos, escapou com ferimentos leves.


O crime aconteceu na tarde desta sexta-feira (07). A adolescente foi apreendida e passará por audiência de custódia em Cachoeiro do Itapemirim.

Pouco depois da discussão, a mãe e o padastro da menina, pai da vítima, saíram de casa, deixando a jovem e a criança na residência. Segundo as informações do delegado, por volta das 15 horas, disso ela teria tomado banho e, ainda irritada, pegou um machado que a mãe guardava embaixo da cama e golpeou a cabeça o irmão, que estava deitado de bruços assistindo televisão. Após o homicídio, a jovem ainda teria feito vários cortes no próprio corpo com o auxílio de uma faca.

Quando a mãe e o companheiro voltaram para casa, por volta das 17 horas, eles se depararam com a situação e tentaram socorrer o filho e o levaram para o hospital. No local, a médica de plantão constatou que a criança já estava morta. A Polícia Militar foi acionada pelo hospital.


Resultado de imagem para mc naldinho

Morreu na sexta-feira (7) aos 41 anos o cantor de funk Aguinado Timótio Alves, o MC Naldinho. O dono do hit “Um Tapinha Não Dói” tinha problemas renais e estava em tratamento no Rio de Janeiro, no entanto, não resistiu à doença.

Segundo informações do site Uol, a notícia foi compartilhada por amigos próximos, como o Mc Bob Rum, que usou seu Instagram para homenagear o funkeiro, e por familiares. Uma das filhas, Karolyne Souza, mostrou seu luto: “Onde estiver, olha por mim”.  Naldinho estava com insuficiência renal, vinha fazendo tratamento, mas não resistiu e morreu na sexta-feira, quando estava internado no hospital municipal Albert Schweitzer, no Rio.


Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos, foi preso em flagrante logo após o atentado; Bolsonaro foi atendido da Santa Casa de Misericórdia de Juiz Fora, onde fazia ato de campanha política.

A Polícia Militar identificou o suspeito de esfaquear o candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL). Adélio Bispo de Oliveira, 40 anos, confessou o crime, segundo a PM. O homem é natural de Montes Claros, no Norte de Minas Gerais, e foi preso em flagrante logo após o incidente.

Bolsonaro participava de um ato de campanha em Juiz de Fora, na Zona da Mata de Minas Gerais, e estava nos ombros de apoiadores quando foi atingido.


Cerca de 30 músicos e artistas brasileiros se reuniram para produzir um vídeo em prol da Instituição Amigos do Bem, ONG que trabalha para erradicar a fome no Sertão do Nordeste.  Nas duas primeiras semanas a publicação bateu 800 mil visualizações no Youtube.

Contudo, uma montagem sem autorização foi feita veiculando o trabalho à uma campanha política o que foi expressamente rechaçado pela ONG. Assim, o valor arrecadado com a a propagação na internet será revertido para os projetos sociais da empresa em áreas fragilizadas do país. CONFIRA O VÍDEO:


Um incêndio de proporções ainda incalculáveis atingiu, no começo da noite deste domingo (2), o Museu Nacional do Rio de Janeiro, na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, na zona Norte da capital fluminense.

O prédio histórico de dois séculos foi residência da família real brasileira e tem um dos acervos mais importantes do país – são cerca de 20 milhões de peças.

O Corpo de Bombeiros do Rio foi acionado às 19h30. Homens de quatro quartéis trabalham no local, que fica dentro do parque nacional da Quinta da Boa Vista. O prédio tem três andares, é ligado à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e o fogo toma de conta de boa parte da construção.


Segundo a PM, o irmão da adolescente, de 10 anos, afirmou que saiu para brincar e, ao retornar, encontrou a irmã caída e chamou por um vizinho

Uma adolescente de 15 anos foi morta a facadas neste domingo (2) no Bairro Monte Serrat, em Nova Serrana. A Polícia Militar (PM) disse que o padrasto da vítima, de 33 anos, confessou o crime e foi preso em flagrante. A menina foi encontrada caída dentro de casa, com ferimentos pelo corpo. O local foi isolado e a perícia foi acionada.

Segundo a PM, o irmão da adolescente, de 10 anos, afirmou que saiu para brincar e, ao retornar, encontrou a irmã caída e chamou por um vizinho. O padrasto foi encontrado durante a ocorrência e assumiu a autoria do crime, afirmando que ele e a adolescente estavam tendo desentendimentos diários. Contudo, o suspeito não informou o motivo das brigas.


O aumento das estimativas de inflação fez o governo revisar para cima o valor do salário mínimo para o próximo ano.

A proposta do Orçamento Geral da União para 2019, enviada no dia (31/08) ao Congresso Nacional, fixou em R$ 1.006 o salário mínimo para o primeiro ano do próximo governo.

Em 2019, a fórmula atual de reajuste será aplicada pela última vez. Pela regra, o mínimo deve ser corrigido pela inflação do ano anterior, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no país) dos dois anos anteriores.