Cinco moradores de Salvador e cinco do interior foram sorteados nesta quarta-feira (9) pela campanha Nota Premiada Bahia.

Resultado de imagem para nota premiada bahia

Cada um receberá R$ 100 mil. Além dos dez prêmios mensais, quem participa da campanha criada pelo Governo do Estado concorre ainda a sorteios especiais de R$ 1 milhão, o primeiro dos quais agendado para o próximo dia 20 de junho.

Os participantes também compartilham suas notas fiscais eletrônicas com 646 instituições beneficentes apoiadas pelo programa Sua Nota é um Show de Solidariedade. Quem se cadastra para concorrer aos sorteios deve indicar até duas instituições, uma da área de saúde e outra da área social. A Nota Premiada Bahia já soma 40 contemplados nos sorteios mensais, que começaram a ser realizados a partir de fevereiro. Até agora, foram sorteados 27 moradores de Salvador e 13 do interior.

Todos os sorteios baseiam-se nos resultados da Loteria Federal. O programa possui atualmente  290,4 mil participantes inscritos no site (www.notapremiadabahia.ba.gov.br). Além de estar cadastrado, é preciso incluir o CPF nas compras realizadas em estabelecimentos que emitem a Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e). Os nomes de todos os ganhadores podem ser conferidos no site da campanha (ver aqui).


Dois presos conseguiram render o carcereiro e fugiram no início da tarde de domingo (6/5) da delegacia de Aurelino Leal.

Rodrigo Bispo e Bruno Almeida são moradores da cidade de Aurelino Leal.

De acordo informações do site Ubaitaba Urgente, os fugitivos que respondem por assalto e tráfico de drogas foram identificados como sendo: Rodrigo Bispo dos Santos e Bruno Almeida. Ambos são moradores da cidade de Aurelino Leal.

Segundo informações de um funcionário da DT, os presos conseguiram render o carcereiro de plantão e tomaram as chaves da delegacia. Eles fugiram tranquilamente pela porta da frente. A policia Militar efetuou diligências na região, mas não conseguiu localizar os fugitivos.


Depois de demitir 30 mil funcionários, ficar com apenas três de suas 29 fábricas e perder espaço no mercado, a dona das marcas Olympikus e Azaleia dá sinais de recuperação.conheça a sua estratégia.

O atual clima de tranquilidade e de descontração dos funcionários do centro administrativo da Vulcabras Azaleia, em Jundiaí, no interior de São Paulo, nem de longe relembra o ambiente tenso vivido entre 2012 e 2015. Naquele período, a companhia de origem gaúcha parecia produzir mais notícias ruins do que pares de sapatos. Mergulhada em uma dívida de R$ 1,1 bilhão, a empresa, que chegou a ser a maior do setor calçadista durante décadas, teve de demitir 30 mil de seus 45 mil funcionários. Sem conseguir concorrer com os produtos importados, viu seu faturamento despencar de R$ 2,3 bilhões, em 2010, para R$ 1,2 bilhão, cinco anos depois. Das 29 fábricas, restavam apenas três. Os problemas administrativos logo contaminaram o desempenho externo.

A liderança da marca Olympikus no segmento de tênis esportivos foi perdida para a americana Nike – rival que, aliás, terceirizou 100% de sua produção e, hoje, não fabrica um par de tênis sequer. Nem o segmento feminino escapou. A grife Azaleia havia perdido espaço para as concorrentes ao se tornar pouco conhecida entre as consumidoras mais jovens. Enfim, uma tempestade perfeita. “A reestruturação foi muito dura e difícil porque estávamos em uma situação crítica, mas era a única alternativa para manter os negócios”, disse à DINHEIRO o presidente Pedro Bartelle, filho do fundador Pedro Grendene Bartelle, que pendurou as chuteiras em 2015.

Coincidência ou não, a Olympikus tomou de volta a liderança perdida para Nike no segmento de tênis fitness, segundo a consultoria de pesquisas de mercado Kantar Worldpanel, que não revela os percentuais de participação de cada marca. “A virada da Olympikus é um exemplo de como uma marca forte, conhecida por praticamente todos os consumidores, pode utilizar essa força em períodos de crise”, disse Eduardo Tomiya, CEO da Kantar Consulting para a América Latina. A reação não se limitou à Olympikus. Há duas semanas, a Vulcabras colocou no ar a primeira loja virtual da marca Azaleia. A iniciativa é um dos pilares do plano de recuperação dos negócios no segmento de calçados femininos. As informações são de Julia Moraes / Ag. ISTOE)


Parlamentar que fez a proposta afirma que a Constituição Federal diz ser ilegal distinguir trabalho comum e do condenado.

Foto: Omar Freire | Imprensa MG

Um projeto de lei está causando polêmica entre os eleitores, isto porque ele propõe que presos recebam ao menos um salário mínimo por serviços realizados dentro das penitenciárias e ainda direitos da Consolidação das Leis de Trabalho (CLT). O projeto foi apresentado pelo deputado federal Glauber Braga (PSOL/RJ). Segundo o parlamentar, a Constituição Federal afirma ser ilegal distinguir trabalho comum e do condenado. Ainda de acordo com ele, o Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias, realizado até novembro de 2016, mostrou que cerca de 75% dos presos que trabalhavam dentro das cadeias, não recebiam nada ou, quando eram pagos, recebiam a baixo de 3/4 do salário mínimo.


Doença afeta 36 milhões de pessoas no mundo. Especialistas avaliam onde deveriam estar os investimentos em pesquisa.

 Pílula do medicamento Truvada, usado na profilaxia pré-exposição (PrEP) contra o HIV (Foto: Paul Sakuma/AP)

Como será a cura do vírus HIV? Será de um tratamento que fortaleça o sistema imunológico ou da terapia genética? Os especialistas não sabem. Mas dentre os muitos caminhos possíveis para chegar a uma cura para o HIV e a AIDS um debate divide cientistas: o problema estará resolvido se conseguirmos chegar è remissão da doença, ou é preciso encontrar a cura?

A medicina considera remissão completa a fase da doença em que não há sinais de sua atividade, mas não é possível considerá-la como cura.


| Coluna Estadão

Uma decisão tomada em fevereiro e mantida em sigilo determinou o fechamento de 513 agências dos Correios e a demissão de 5.300 funcionários nos próximos meses. De acordo informações da Coluna do Estadão, a medida foi aprovada durante reunião da diretoria.

A previsão é que sejam fechadas agências próprias que estão localizadas muito próximas de outras que são geridas por agentes privados, explica o ex-presidente dos Correios, Guilherme Campos.


Legislação prevê pagamento de multa e prisão de até cinco anos.

Um homem de 31 anos foi preso em Formiga, na região Centro-Oeste de Minas Gerais, após avisar em um grupo de WhatsApp que a Policia Militar realizava uma “blitz” na avenida Magalhães Pinto. O caso ocorreu na noite de domingo (29).

“Blitz em frente à Copasa indo para exposição. Galera do golo fica veiaco. E é blitz das braba. Parando até as ambulâncias do Samu (sic)”, disse ele nas mensagens enviadas às 21h06. Os próprios participantes do grupo de populares de Formiga não gostaram das mensagens e disseram que a polícia estava certa em tentar combater motoristas irregulares.


Vítima subiu no palco nos primeiros minutos do show que abria a última noite da Festa da Uva, em Natuba.

Um homem de 31 anos morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto caminhava no teto de um palco durante o show do cantor Ranniery Gomes, a penúltima atração do último dia da 5ª Festa da Uva, na cidade de Natuba, na Mata paraibana, na madrugada deste domingo (29). Após o show, o cantor contou ter ficado abalado com o acidente.

Em nota publicada em um perfil na rede social, a Prefeitura de Natuba informou que adotou todas as medidas de segurança e considerou o acidente como um caso isolado. “O município cumpriu todos os requisitos formais para a realização deste evento. A festa ocorria com tranquilidade e harmonia, sem contratempos. O local da festa, Praça Pública, sempre foi utilizado para esse tipo de evento, sem que houvesse problemas dessa natureza, demonstrando que o acidente foi uma fatalidade, um caso isolado”, destaca a nota. Assista o Vídeo com Cautela. Cenas são Fortes:


Uma briga dentro da Penitenciária Professor Barreto Campelo, em Itamaracá, deixou um detento com uma faca cravada na cabeça.

A confusão aconteceu no fim da tarde da última quinta-feira. O detento Pedro Rufino Ferreira Neto, 34 anos, foi trazido para a emergência do Hospital da Restauração, no Recife. Ele passou por cirurgia para remoção da arma branca. Seu estado de saúde, é considerado estável. De acordo com a Secretaria de Ressocialização (Seres), Pedro se envolveu em uma briga com outro detento, Anderson Luiz da Silva, 27, autor da agressão, que foi autuado em flagrante na Delegacia de Itamaracá. A briga aconteceu por volta das 15h. O Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco (Sindasp) divulgou a imagem do detento com a peixeira presa à cabeça.


Garota de 11 anos foi violentada por 14 homens, na Praia Grande, em São Paulo, e está sendo criticada por ter participado de um baile funk.

| Domingos Fraga

O escritor italiano Humberto Eco, morto em 2016, é dono de uma frase, que, como poucas, explica o esgoto que invade as redes sociais nos dias de hoje:

“As mídias sociais deram o direito à fala a legiões de imbecis que, anteriormente, falavam só no bar, depois de uma taça de vinho, sem causar dano à coletividade. Diziam imediatamente a eles para calar a boca, enquanto agora eles têm o mesmo direito à fala que um ganhador do Prêmio Nobel. O drama da internet é que ela promoveu o idiota da aldeia a portador da verdade”.

Os internautas que criticaram a garota estuprada na Praia Grande, em São Paulo, por 14 homens, são muito mais do que imbecis. Veja abaixo o que alguns pensam:


Um idoso de 61 anos morreu com a gripe H1N1 na cidade de Serrinha, a cerca de 175 km de Salvador.

De acordo com Edy Gomes, coordenador do Núcleo de Saúde de Feira de Santana, que também atende ao município onde a vítima estava internada, a morte ocorreu na quarta-feira (11/04) e o resultado do exame que acusou H1N1 saiu na sexta-feira (13).

Outro paciente está internado em Serrinha com a doença. O Núcleo Regional de Feira engloba 72 municípios. Segundo Edy Gomes, em Feira de Santana há uma morte confirmada, foi a de um bebê de um ano, que veio a óbito na terça-feira (10). No entanto, segundo o coordenador do Núcleo de Saúde, a criança não era morada do município. Portanto, o caso é considerado importado.


De acordo com a Polícia, o fato aconteceu no início da noite deste sábado (07), na localidade mais conhecida como Projetadas.

Uma adolescente de 14 anos morreu após ser atingido por uma descarga elétrica na cidade de Santo Antônio no Rio Grande do Norte, enquanto usava o celular conectado à tomada.

A vítima foi identificada como Gardênia Carter. Ainda segundo informações, a jovem tinha acabado de tomar banho, quando foi atender uma ligação com o aparelho conectado na tomada e sofreu a descarga elétrica. A jovem ainda foi socorrida para o hospital regional de Santo Antônio, mas não resistiu e veio à óbito. O corpo da garota foi encaminhado para o Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP-RN) onde será submetido a procedimento de necrópsia antes de ser liberado para o velório e sepultamento. Com informações do Regional Online.


Cercar, cercar e não deixar prender, gritam militantes Pró-Lula.

| Por Altamiro Silva Junior | Estadão Conteúdo

Um grupo de militantes fez um cordão de isolamento no portão lateral da saída do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC para impedir a saída de Luiz Inácio Lula da Silva do local. “Lula livre” e “cercar, cercar e não deixar prender” estão entre as frases entoadas pelos simpatizantes do petista. Alguns militantes sentaram em frente ao portão.