cre550

Corpo foi escoltado por batedores da PM de Aracaju até o aeroporto. Local do velório ainda não foi revelado. O corpo do ator Domingos Montagner – que morreu afogado aos 45 anos no Rio São Francisco nesta quinta, 15 – foi liberado pelo Instituto Médico Legal de Aracaju, em Sergipe por volta das 9h da manhã desta sexta-feira, 16.mxyrkuz

Em seguida, foi levado para a Funerária Piaf, que fica a 100 metros do IML, após passar por uma necropsia que confirmou a sua morte por afogamento.

Segundo o comandante da operação, Major Jorge Cirilo, o corpo permaneceu no local por cerca de três horas antes de seguir para o destino do velório, ainda não revelado pela família. Montagner, o Santo, de “Velho Chico”, morreu nesta quinta-feira, 15, após desaparecer no Rio São Francisco. Ele tinha viajado para o Nordeste para gravar cenas da novela, foi tomar um banho de rio e, depois do mergulho, não voltou à superfície. O artista estava junto com a atriz Camila Pitanga, que pediu socorro após o colega ser levado pela correnteza. Deixa três filhos e mulher.


K7

jwfu2ef

Polícia divulgou imagens fortes, de propósito, para alertar população. Criança foi entregue a parentes. Motorista e passageira foram presos. Caso aconteceu nos EUA.

Um homem e uma mulher foram presos em Ohio, nos Estados Unidos, após sofrerem overdose no carro enquanto transportavam uma criança.

As imagens fortes foram divulgadas pela polícia para conscientizar a população sobre a irresponsabilidade de cuidar de crianças sob o efeito de drogas. O caso aconteceu em julho e foi divulgado nesta sexta-feira (9).

Na ocorrência, o motorista foi abordado por um policial que tinha reparado que ele dirigia seu utilitário de forma irregular e desmaiou ao conversar com a autoridade, de acordo com um registro divulgado pela polícia. “Fiz contato com o motorista que mais tarde foi identificado como James Acord. Notei sua cabeça balançando para frente e para trás, sua fala quase ininteligível. Também notei pontinhos em sua pupila”, descreve o policial no documento. Segundo seu relato, o motorista lhe informou que estava levando a mulher no banco do passageiro, que estava desmaiada, para o hospital.


Marido de Jane Carla, 32 anos, morreu no local do acidente. Ela faleceu na noite desta segunda-feira (5), dois dias após a tragédia. A cantora gospel Jane Carla, de 32 anos, não resistiu aos ferimentos após um grave acidente e morreu no início da noite de segunda-feira, dia 5.7rtlyan

Segundo informações, no sábado, dia 3, o carro em que estavam a cantora e seu marido Wanderson Guimarães colidiu frontalmente com uma carreta na rodovia TO-080, entre as cidades de Palmas e Paraíso do Tocantins.

Wanderson morreu no local do acidente e Jane Carla foi socorrida em estado grave ao Hospital Geral de Palmas. Por volta das 18h30 de segunda-feira, dia 5, a cantora gospel sofreu uma piora em seu quadro e teve uma parada cardíaca. Jane Carla não resistiu e morreu. Segundo o site Blasting News, a cantora e o marido eram membros da Igreja Evangélica Assembleia de Deus, ministério de Madureira em Palmas, e eram pastoreados pelo pastor João Abrantes. Entre as músicas de sucesso de Jane Carla estão Mestre Dos Milagres, Veio Guerrear e Vaso Escolhido.


Nesta noite desta Segunda, (28) na estrada vicinal que liga Itororó a São José do Colônia, um jovem Gabriel Sousa Santos de apenas 15 anos sofreu um grave acidente após cair de um veículo.

| Redação

Gabriel Sousa Santos residia no distrito de São José do Colônia, onde deu entrada na Fundação Hospital e Maternidade de Itororó após sofrer um grave trauma na região do tórax após o acidente.

Segundo informações dos populares e também  ao acompanhante que estava junto do jovem, Gabriel seguia do distrito onde mora sentido á Itororó-Ba onde estaria sendo transportado em um caminhão, de placa não identificada quando se assustou com algo onde acabou caindo do veículo.

FotorCreated
Foto: Leitor do Blog, Whatsapp

Após a queda, Gabriel foi atropelado pelo próprio caminhão onde o motorista não tinha visto, a vítima pode ter sofrido um grave trauma na região do abdômen e do tórax, por este motivo gravemente a vítima Gabriel foi transferido em imediato com urgência para a cidade de Itapetinga-Ba onde foi melhor avaliado pela equipe médica da Fundação José Silveira (HCR), porém, antes mesmo de chegar a cidade de Itapetinga Gabriel não resistiu e acabou vindo a óbito dentro da própria ambulância onde o transportava.


sergio

Mais um homicídio foi registrado em Itapetinga na noite desta “sexta-feira 13”. Sérgio da silva de 36 anos, recebeu várias facadas, não registiu aos ferimentos e veio a falecer no local. O fato aconteceu na rua Antônio Carlos de Matos, próximo a quadra da Vila Isabel.

Uma guarnição da Guarda Municipal e outra da Polícia Militar, estiveram no local e preservou o mesmo, até a chegada dos peritos do DPT (Departamento de Polícia Técnica). O DPT esteve no local e fizeram o levantamento cadavérico, e o corpo foi levado para o IML de Vitória da Conquista.

Populares não souberam explicar o acontecido, e ainda não se sabe do paradeiro, do elemento ou elementos.

O crime brutal chocou os moradores da Vila Isabel, os quais sempre vem cobrando um Posto Policial no bairro.

mmXRTc8

FONTE: BLOG DO TARUGAO


IMG-20150304-WA0004
FOTOS: BLOG DO KEL VIA WhatssaAP

Na manhã desta Quarta-Feira (04), por volta das 9:30 hrs um acidente ocorrido na BR 101, próximo ao entroncamento da cidade de Uruçuca, deixou uma vítima fatal José Carlos Matos de 62 anos Itororoense conhecido como “Carequinha” o comerciante Carequinha era proprietário de um bar no Centro da cidade de Itororó, pai dos comerciantes Hildérico, da Lanchonete e Sorveteria Faculdade e de Bodão do Magazine Mania de Presentear.

Informações que o carro que carequinha conduzia era um Strada de placa (OQN0789), Licenciada no nome de Cícero Dantas, o carro em que conduzia acabou capotando e chegando a falecer  no local.

No local do ocorrido a grande falta de uma unidade do Corpo de Bombeiros na hora do ocorrido, para poder recortar as partes das ferragens e retirar a vítima que ficou presa,  o corpo da vítima  foi levado dentro do carro em que estava, e  preso as ferragens,e em cima de um  guincho.

IMG-20150304-WA0005
FOTOS: VIA WHATSAP

IMG-20150304-WA0009IMG-20150304-WA0008IMG-20150304-WA0013


Os seis parentes encontrados mortos em casa na quinta-feira (26) foram enterrados às 10h desta sexta-feira (27) no Cemitério da Linha Fernando Machado, em Cordillheira Alta, no Oeste catarinense. O funcionário público Alcir Pederssetti, 42 anos, é suspeito de ter matado a tiros a própria família e cometido suicídio.

Foram encontrados mortos Alcir, a esposa Monica Pederssetti, de 33 anos, a filha do casal, Lana Pederssetti, de 16, além dos pais de Monica, Antonio Moresco e Luiza Moresco, de 68 e 65 anos, respectivamente, e a irmã dela, Lucimar Moresco, de 36.

Durante a madrugada, cerca de duas mil pessoas prestaram as últimas homenagens no velório da família, realizado em um ginásio de esportes da cidade. A cerimônia iniciou por volta das 19h.

Centenas de pessoas participam de velório de familiares na noite desta quinta (26) (Foto: Martin de Moraes/RBS TV)Centenas de pessoas participam de velório na noite desta quinta (26) (Foto: Martin de Moraes/RBS TV)

Enterro
Segundo a funerária encarregada de realizar o ato, os corpos de Lana, Antonio, Luiza e Lucimar chegaram por volta das 19h. Cerca de três horas depois, chegaram os corpos do casal Monica e Alcir. Centenas de pessoas participavam do velório no final da noite.

Investigação
A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar a morte dos seis familiares, que foram encontrados pela empregada doméstica na manhã de quinta.

Segundo o delegado Danilo da Silva Fernandes, responsável pelo caso, Alcir é o principal suspeito de ter matado todos.

“Os primeiros apontamentos, analisando o local, é de que ele [Alcir] tenha matado. A posição da arma, dos projéteis [indicam isso]”, afirma o delegado. Segundo ele, não há indícios de que a casa tenha sido arrombada.

casal_1

Monica e Alcir eram casados e enfrentavam problemas conjugais, diz polícia (Foto: Montagem/Facebook)

Monica e Alcir eram casados e enfrentavam
problemas conjugais, diz polícia
(Foto: Montagem/Facebook)

Posse de arma
Fernandes afirma também que o revólver calibre 38, encontrado no local do crime e que pode ter sido utilizado na ação, possuía registro, mas Alcir não tinha porte de arma.

“Ele não tinha antecedentes criminais. Temos que aguardar o resultado do laudo da perícia, que deve sair em 10 dias. Se apontar que foi ele, o inquérito será encerrado. Parece que o relacionamento não ia bem, a mulher queria se separar”, explica o delegado.

Casa da família foi isolada pela Polícia Militar (Foto: Jhota Biavatti/TV Box)

Casa da família foi isolada pela Polícia Militar (Foto: Jhota Biavatti/TV Box)

Todos foram baleados
De acordo com o IML, havia marcas de mais de um disparo no corpo da esposa e do sogro de Alcir, mas o plantonista não soube precisar quantos. Segundo ele, os demais corpos possuíam marca de um disparo.

Segundo a polícia, Monica teria sido a primeira vítima. Lana, filha do casal, foi encontrada morta na sala, ao lado do corpo do pai. Os corpos de Antonio Moresco e Luiza Moresco estavam em um quarto e o de Lucimar Moresco, em outro quarto.

Lana, de 16 anos, é uma das vítimas (Foto: Reprodução/Facebook)

Lana, de 16 anos, é uma das vítimas
(Foto: Reprodução/Facebook)

Comoção
O suspeito era funcionário público e trabalhava havia 10 anos na Secretaria de Agricultura de Cordilheira Alta. “Sempre tranquilo, sempre desempenhava suas funções. Inclusive ontem [quarta-feira] ele ficou a tarde toda lá na prefeitura e estava de férias”, afirma o prefeito Alceu Mazzioni.

A família era conhecida na cidade de 4,1 mil habitantes. Moradores estão abalados com as mortes, especialmente as cerca de 200 famílias, a maior parte de agricultores, moradoras do Distrito de Fernando Machado, onde ocorreu o crime.

Alguns vizinhos comentaram que ouviram os tiros por volta das 4h30. No entanto, eles disseram que era comum Alcir atirar quando achava que havia alguém suspeito no terreno, então não deram importância.


THAIS AMERICO NOGUEIRA

Thaiz dos Anjos de Jesus, de 21 anos (foto ao lado), após assassinar a jovem Carla Silva Santos, de 22 (foto abaixo), na noite do último dia 13, se apresentou na manhã desta sexta-feira (20) no Complexo Policial com uma advogada, a fim de dar explicações sobre o crime.

Carla recebeu uma facada no peito, quando estava em frente a sua casa,  na Rua Bertulino Gonçalves, no Bairro Américo Nogueira, e morreu instantes depois no Hospital Cristo Redentor. Após golpear Carla, Thaiz fugiu.

Sobre a fuga, Thaiz disse que de imediato foi para a casa de uma tia e em seguida se dirigiu para casa de parentes em Vitória da Conquista. Confessou que realmente golpeou Carla, com quem vinha tendo desentendimentos.

CARLA3

Segundo a assassina confessa, Carla estava tendo um relacionamento amoroso com o seu marido e chegou a compartilhar isso com amigos no whatsapp, o que teria deixado Thaiz enciumada e disposta a tomar uma providência.

Com a apresentação espontânea, Thaiz dos Anjos de Jesus responderá ao processo de homicídio em liberdade.

FONTE TEXTO: ITAPETINGA NA MÍDIA

FOTOS: BLOG DO TARUGAO


CARLA3

Na noite desta sexta-feira (13) por volta de 20:25h, aconteceu um fato para uma “sexta-feira 13”. Uma jovem conhecida como Thaiz, deu um golpe certeiro no coração de Carla da Silva Santos de apenas 23 anos.

Carla é moradora do bairro Américo Nogueira, rua Bertulino Gonsalves,  casa nº 150.

carla2

Segundo informações de populares, Thaiz estava separada do seu companheiro e havia comentários sobre um possível relacionamento de Carla com ele.

Carla e Thaiz já tinham se desentendido por esse motivo e o assunto foi parar no Complexo Policial.

CARLA2

 

Nesta “sexta-feira 13” a indiferença se transformou em uma tragédia. Carla foi atingida por uma facada acima do peito esquerdo, foi socorrida e levada ao Hospital Cristo Redentor/Fundação José Silveira.

CARLA1

Ela deu entrada no hospital ainda com vida, os médicos tentaram de todas as formas salvar a vida de Carla, mas uma forte hemorragia interna não deu chance e ela faleceu.

Aguarde mais Informações…….


Colega disse que pai da criança entrou em desespero e tentou se matar após o acidente: “Ele era maluco pela filha”

Um policial militar matou a própria filha, de 11 meses, com um disparo acidental, na manhã desta quarta-feira (11), no Rio de Janeiro. O caso aconteceu quando Luciano Batista Coelho limpava um revólver calibre 38, que disparou e atingiu cabeça da menina.

 

A criança, identificada como Eloá, chegou a ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos do Rio, mas não resistiu.

Em entrevista ao jornal Extra, um colega de trabalho de Luciano, que não quis se identificar, disse que o policial entrou em desespero após o acidente. “Aquela menina era tudo na vida dele. Ele era maluco pela filha. Ele estava tão desesperado que falou em se matar. É um cara gente boa, nunca faria nada de mau para a filha”, contou.

Luciano, que também é professor de educação física, se preparava para fazer o processo seletivo para o Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope). Ele já foi ouvido pela polícia, que agora aguarda o depoimento da mãe da criança.


Uma garota de um ano e meio levou 240 pontos no rosto após ser atacada por um cão da raça bull terrier. A britânica Mayzee Jo Gaspa estava em casa com os pais quando foi surpreendida pelo animal que pertencia a um amigo da família.

Mayzee foi mordida no rosto enquanto brincava na cozinha, ao lado da mãe, Maria Dew, 34 anos. “Eu batia na boca do cachorro, tentando fazê-lo soltar minha filha, mas ele a arrastava e tudo o que eu via era sangue por todos os lados. Achei que ela fosse morrer”, relata ao jornal The Mirror.

Os vizinhos da família se dirigiram até o apartamento, que fica em Staffordshire, ao ouvirem os gritos de Maria e logo chamaram uma ambulância, que encaminhou a criança para o hospital.

Além de receber mais de 200 pontos, a pequena passou por uma cirurgia para recuperar o nariz. Mayzee também perdeu quatro dentes durante o incidente. Ela vai precisar passar por outra operação, em breve, mas passa bem.

A mãe divulgou as fotos para ajudar outras famílias. “Temos de ficar de olho sempre. Há cães bons e donos bons, mas, em um segundo, coisas assim acontecem”,  alerta.

 


Segundo informações do blog Camamu Notícias um trabalhador rural da cidade vizinha de Ubaitaba, foi devorado por uma onça na Zona Rural de Camamu a 50km ao norte de Itacaré. Ainda segundo o blog, o homem que ainda não foi identificado, mas já estava desaparecido a três dias, tirava cipó na região da Cepel, conhecida como “Mata da Alfa” próximo da antiga fazenda da Brahma no distrito de Camamu.

onca em camamu2


CAPELA1

CAPELA

O crime ocorreu por volta dás 19:30 h. dessa noite de quarta (04).

Mais vítima de arma de fogo agora a pouco na travessa 14, no bairro Nova Itapetinga. Segundo informações, um jovem de nome Luiz Carlos – vulgo Capela. informações de moradores, duas pessoas em uma moto preta, chegaram e adentraram a casa de Capela, efetuando vários disparos e morreu no local.

AGUARDE MAIS INFORMAÇÕES….

 ENVIADO ATRAVÉS DO WHATSAPP