A cada dia, a guerra entre as facções criminosas Primeiro Comando da Capital (PCC), mais conhecida como Caveira, e Comando da Paz, a chamada CP, se intensifica e a rivalidade fica evidente entre os integrantes dos grupos. Sem nenhum receio, os criminosos expõe ameaças contra o bando oposto.

barrilUma dessas ameaças, em formato de vídeo, chegou a nossa reportagem através do canal de comunicação do Whatsapp. Nas imagens, jovens que se dizem integrantes do PCC, esbanjam drogas e armas. Ao longo de todo vídeo, os homens permancem com um revólver ameaçando um rival identificado apenas como ‘Sonsinha’.

Ainda não se sabe em qual localidade os criminosos atuam e a identificação de todos que aparecem nas imagens.



O eclipse solar que ocorre na próxima sexta-feira pode sinalizar o fim do mundo. A afirmação partiu do pastor Mark Blitz.

Previsto para ocorrer no próximo dia 20 de março, o eclipse parcial significaria o “dia do juízo”. O fenômeno é raro, sendo que a última vez que ocorreu na Europa foi em 1999.

“Um evento dessa magnitude no início de um novo ano exige uma atenção religiosa”, comentou Blitz.

Segundo ele, a Bíblia alerta que o dia do Juízo Final contará com sinais vindos do céu, “e este é um sinal importante de um dia crítico”. “É o mesmo dia em que houve a cerimônia do tabernáculo de Moisés, com fogos no céu iluminando o altar. Historicamente, este é o dia do julgamento”, continuou.

Pastor diz que eclipse solar da próxima sexta-feira (20) pode sinalizar o fim do mundo

O eclipse solar que ocorre na próxima sexta-feira pode sinalizar o fim do mundo. A afirmação partiu do pastor Mark Blitz.

Além desse fenômeno, um novo eclipse solar está previsto par ao dia 13 de setembro deste ano, seguido pela última das quatro luas de sangue, no dia 28 de setembro. As anteriores ocorreram nos dias 15 de abril de 2014 e 8 de outubro de 2014, sendo a próxima marcada para o dia 4 de abril deste ano.

fenomeno lua

A chamada “profecia da lua de sangue” seria um sinal de que o mundo está chegando ao fim. Será?

333




Foi preso na cidade de Cordeiros , o enfermeiro Guilharde Moura Leite , acusado de estuprar seis mulheres durante atendimento clínico. Ele  trabalhava na Unidade de Saúde da Família Dr. José Cardoso dos Apóstolos desde fevereiro de 2014. O caso foi descoberto durante um processo administrativo que investigava a assiduidade do profissional, que utilizava atestado médico para justificar as faltas quando estava de plantão no posto do município de Itarantim. Ele não havia comunicado que tinha assumido a função em outra cidade.

 



Mantida refém desde a madrugada desta quarta-feira (18) no interior da joalheria em que trabalha, em Riachão do Jacuípe, a gerente Regina Lúcia foi libertada no final da manhã, após intensa negociação entre policiais e sequestradores.

Os bandidos exigiam a presença da mãe de um deles, da imprensa e coletes anti balísticos para liberar a gerente. Grávida, Regina Lúcia, que não ficou ferida, foi imediatamente encaminhada a um hospital da cidade para receber atendimento médico.

De acordo com Rodrigues, coordenador do cartório da delegacia da cidade, quatro homens invadiram a casa de Leila Regina por volta das 4h30, e renderam a gerente, o marido dela e a filha do casal. Um dos suspeitos ficou na casa armado, enquanto o restante do bando seguiu na companhia da gerente para a Joalheira Mascarenhas, que fica na Rua Aurélio Mascarenhas, no centro da cidade.

Durante o roubo, uma viatura da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Litoral Norte) percebeu a movimentação e abordou o grupo. Um dos suspeitos, que estava no carro aguardando os comparsas foi detido e levado para a delegacia, onde foi preso em flagrante pelo delegado Carlos Baqueiro. A dupla, que está fortemente armada, entrou na loja e fez a gerente refém.

“Toda a área comercial precisou ser isolada e, por conta disso, o comércio do centro da cidade foi fechado”, disse Rodrigues. Segundo a polícia, o proprietário da joalheria não mora na cidade.

Por volta das 8h30, o suspeito que estava mantendo o marido e a filha de Leila refém dentro de casa, se entregou à polícia.  Ninguém ficou ferido.

As negociações de resgate das vítimas foram lideradas pelo titular da 15ª Coordenadoria Regional do Interior (Coorpin/Serrinha) Mozart Cavalcante de Oliveira e pelo delegado de Conceição do Coité, Getúlio Paranhos. Também participam da ação equipes da Companhia de Emprego Tático Operacional da Polícia Militar (Ceto) e policiais da Cipe/Litoral Norte.



Um estudo realizado pelo Instituto do Câncer da França, divulgado nesta terça-feira (17), revela que implantes nos seios podem causar um tipo raro de tumor no sistema linfático.

Em razão das conclusões dos especialistas, o governo francês estuda atualmente a proibição de próteses mamárias no país.

Os pesquisadores do Instituto Nacional do Câncer (INC) da França revelaram a existência de uma nova doença, o “linfoma anaplásico de grandes células associado a um implante mamário (LAGC-AIM)” e propõe que esse tipo de câncer seja incluído na classificação de doenças da Organização Mundial da Saúde (OMS).

“Existe uma relação claramente estabelecida entre o surgimento dessa doença e o uso de um implante mamário”, diz o relatório do instituto francês. “Esse tipo de câncer não foi diagnosticado em nenhuma mulher sem próteses nos seios.”

Os oncologistas franceses estimam que o risco desse linfoma nas mulheres com implantes mamários é 200 vezes maior do que na população feminina em geral.

Eles ressaltam, no entanto, que a frequência dessa complicação médica é muito baixa. Desde 2011, apenas 18 mulheres desenvolveram esse tipo de câncer na França (uma delas já morreu), segundo o INC.

Vigilância

O estudo foi realizado a pedido das autoridades francesas da área de saúde após o rápido aumento de casos desse tipo de câncer em um período relativamente curto.

Apesar do número de pessoas afetadas ainda ser bem limitado, o que preocupa as autoridades é a velocidade da progressão: o total de novos casos passou de dois em 2012 para 11 no ano passado.

A ministra da Saúde, Marisol Touraine, declarou nesta terça-feira que as mulheres com implantes nos seios “não precisam retirá-los” e nem devem ficar “excessivamente preocupadas”.

“Nossa vigilância é total”, disse a ministra, acrescentando que nenhuma marca de prótese mamária está sendo visada especificamente em relação à descoberta desse novo tumor.

Touraine também afirmou que as informações às mulheres que desejam colocar implantes nos seios será reforçada.

Alerta obrigatório

A Agência Nacional de Segurança do Medicamento (ANSM) da França já anunciou que as mulheres que desejam colocar próteses nos seios deverão ser “obrigatoriamente alertadas sobre esse novo risco, apesar de ele ser baixo”, afirmou, em entrevista ao jornal Le Parisien, François Hébert, diretor-geral adjunto da agência.

Segundo ele, documentos informativos e alertas sobre a questão já foram enviados aos médicos do país. “Se for necessário proibir os implantes, nós o faremos”, disse o diretor da ANSM.

A agência francesa realizará uma reunião com especialistas até o final deste mês para decidir sobre o assunto. A eventual proibição das próteses dependerá das conclusões dos pesquisadores.

“Os sinais são convincentes. Os casos aumentam. Estamos trocando informações com a FDA (Food and Drugs Administration) americana”, afirma o professor Benoît Vallet, diretor-geral da Saúde, que determina as políticas públicas francesas na área.

“Os profissionais da saúde devem ficar muito mais vigilantes diante desse risco. As mulheres que usam próteses devem ser examinadas por um médico todos os anos.”

Escândalo

A descoberta de novos riscos envolvendo próteses mamárias ocorre apenas cinco anos após o escândalo das próteses da marca francesa PIP, que chocou o país. Elas eram fabricadas com um gel de silicone não autorizado para fins médicos e que continha aditivos de combustível não testados para uso clínico.

A PIP era o terceiro maior fabricante mundial de próteses mamárias e exportava para inúmeros países, incluindo o Brasil. Segundo a ANSM, cerca de 400 mil mulheres na França têm próteses nos seios, sendo 80% delas por motivos estéticos..

FONTE: G1



Uma cadela de rua de Valparaíso (Chile) agiu por instinto no fim de semana, quando enfrentou a morte. Ela e seus filhotes ficaram presos em um incêndio florestal que atingiu a região do país nos últimos dias. Para salvar a vida da ninhada, a heróica mãe enterrou os pequenos para protegê-los das chamas e correu para um lugar seguro.

A cadela e seus nove filhotes foram encontrados vivos e resgatados por uma organização animal local. Os moradores da região viram a ação da cadela e acharam que ela poderia ter enterrado os filhotes. Eles informaram aos bombeiros que foram em busca dos animais para resgatá-los.

A cadela heróica foi nomeado Negrita. Abrigados em uma organização animal, os cães receberam doações dos moradores, que manifestaram interesse em adotar os filhotes e a mãe.

FONTE: O GLOBO



Há algum tempo, que o jovem advogadoAlfredo Ruy aspira um lugar dentre os políticos de Itororó, agora, desfiliado do PT, e de posse de um partido, o PSDB, ofertado pelo seu primo o deputado estadual Augusto Castro, Alfredo Rui é recebido pelo grupo daFRENTE CIDADÃ para engrossar o coro de uma candidatura alternativa com foco nas eleições de 2016.
Alfredo Ruy, 32 anos, é filho da empresária Diana Costa e do saudoso médico e político doutor Ruy Costa que na década de 80 disputou as eleições municipais em Itororó pelo PMDB, perdendo para Edneu Oliveira, que, (dentre os pré-candidatos da cidade); coincidência do destino, 28 anos depois, em 2016, poderá disputar com o filho Alfredo Ruy.
O jovem Alfredo encontra guarida no novo agrupamento político da FRENTE CIDADÃ, capitaneado pelo médico Adauto e pela ex-promotora Virgínia Alcântara, recentemente ligados ao campo das oposições no estado, sob a tutela de Jutahy Magalhães PSDB e Heraldo Rocha, velhos conhecidos da política baiana e brasileira.
O acolhimento de Alfredo Ruy pelo grupo está condicionado a ter seu nome dentre aqueles que a FRENTE CIDADÃ disponibilizará para apreciação da sociedade em breve; como um dos que poderá ser o candidato do grupo, isso, a partir do dia 27 desse mês.



sobr300

Um homem torturado e enterrado vivo por traficantes conseguiu sair sozinho da própria cova e pedir ajuda em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. Segundo o comandante do 12º Batalhão da Polícia Militar, major Francisco Teófilo, o incidente aconteceu no sábado (14) e, pelo menos dois suspeitos foram identificados e são procurados.

De acordo com o major, o homem, que procurava trabalho como pedreiro na comunidade do Parque Leblon, foi confundido com um delator que, supostamente ajudou a Polícia Militar nas apreensões de armas e drogas na região. “Ele foi torturado e eles [traficantes] ficavam perguntando como a polícia encontrou a droga”, disse o major.

O pedreiro, que está sob proteção policial, pode ter passado cerca de duas horas sob tortura, segundo policiais. Ele sofreu enforcamento e foi enterrado com a cabeça para fora, até que desmaiou. Os suspeitos, segundo o major Teófilo, acharam que o homem estava morto e foram embora. “Ele conseguiu sair sozinho, em uma cova até o pescoço. E ainda conseguiu pedir ajuda na cidade”, conta. A PM faz buscas para tentar prender os suspeitos.



REITOR

A Faculdade Independente do Nordeste (FAINOR) de Vitória da Conquista segue em expansão no ano de 2015. Além do retorno do vestibular do curso de Direito, a instituição prepara a chegada de 4 novos cursos: Engenharia Civil, Engenharia de Alimentos, Edução Física e Nutrição.

Em entrevista a nossa reportagem, um dos mantenedores da instituição, o professor Joseval Andrade, revelou que o momento é de aguarda a publicação no Diário Oficial para a realização do vestibular do curso de Engenharia Civil.

“As outras três graduações estamos aguardando a visita do Ministério da Educação, o MEC, para que a gente coloque para funcionar, após autorização do Ministério. Temos trabalhado também na questão de pesquisa e extensão, com novos cursos de mestrado e quem sabe até o doutorado, em parceria com Universidade da Paraíba, Fiocruz, dentre outras”, disse Andrade.

Fonte: Blog do Rodrigo Ferraz



Empresa ucraniana quer instalar fábrica de aviões em Ilhéus, diz coluna

Ilhéus, no sul do estado, pode abrigar a fábrica de aviões da estatal ucraniana Antonov Company. A companhia quer trazer para cá a fábrica de aviões do modelo AN 38-100, de 27 lugares. Segundo a coluna de Felipe Patury, da Veja, o investimento previsto é de US$ 1 bilhão. Um dos motivos do interesse da empresa estrangeira é a promessa do governo brasileiro de comprar 80 aviões turboélice, como forma de substituir os Bandeirantes, usados na fiscalização de fronteiras. Antes de os ilheenses comemorarem a notícia, o negócio só deve ser sacramentado depois de os ucranianos encontrarem sócios no Brasil e conseguirem financiamento do Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).



Ex-candidato a vereador é morto com tiros na cabeça; crianças presenciaram crime
Foto Reprodução: UOL

O ex-candidato a vereador da cidade de Ubatã, Américo Nascimento de Jesus (DEM), de 38 anos, foi morto na tarde desta terça-feira (17).  Segundo informações de testemunhas, Américo, que é corretor de imóveis, havia chegada há poucos minutos em sua residência e assistia TV quando foi surpreendido pela presença de dois homens, que já chegaram atirando. O filiado ao DEM foi atingido por três tiros na cabeça. De acordo com informações da Polícia Militar, havia pelo menos três crianças brincando na sala da residência no momento do crime, mas nenhuma delas foi ferida. Testemunhas informaram ainda que após cometer o crime, os bandidos fugiram a pé. Uma guarnição do 4º Pelotão da PM de Ubatã foi acionada, realizou diligências, mas não conseguiu prender os assassinos.



orelhudo

Uma mulher foi condenada pela 7ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo a pagar indenização de R$ 3.500 por praticar bullying contra um menino ao chamá-lo de “orelhudo”.

De acordo com o Estadão, o caso ocorreu em setembro de 2005, quando o garoto tinha 12 anos. A mulher não teve o nome divulgado. Segundo a ação, a criança brincava próxima à casa da mulher, em Cotia, região metropolitana de São Paulo.

Ela teria ofendido o menino com xingamentos e ofensas, como “orelhudo”. As palavras teriam abalado e provocado um abalo psiquiátrico nele. Foi o que mostrou um laudo médico-psiquiátrico feito no garoto.

De acordo com a Justiça, O exame apontou relação de causalidade entre o abalo sofrido e a atribuição a ele do adjetivo relacionado às suas orelhas. Na opinião do relator do processo, Rômulo Russo Júnior, a prova pericial comprovou que a mulher agiu imprudentemente ao chamar a criança de orelhudo.

Em seu voto, o relatou afirmou que “A exemplo do bullying em ambiente escolar, condutas como a praticada pela apelada podem resultar em diversos efeitos psicológicos sobre a vítima, tais como isolamento social, ansiedade, depressão, mudanças repentinas de humor, irritabilidade, agressividade, tristeza acentuada e, até mesmo, tentativas de suicídio”.