Tragédia em Itororó: ‘ VÍDEO’ “Morreu nos meus braços”, diz mãe após morte de filha e mais 3 em batida

sofruty2

Sandra da Silva Gonçalves a única sobrevivente da batida que deixou quatro pessoas da família dela mortas, inclusive a filha de 10 anos, relatou como ocorreu o acidente na BA-130, na quarta-feira (2). 

logo-face| Redação.BDK

Segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), a família retornava para Itororó, depois de passar o feriado de Finados em Firmino Alves. Assista ao VÍDEO:

A distância entre as cidades é de cerca de 25 quilômetros. Sandra teve ferimentos no pescoço e na perna, mas perdeu a mãe, o pai, o irmão e a filha caçula. Ela relatou que o irmão estava dirigindo e quando viu o outro carro desgovernado foi para o acostamento pra evitar o acidente, mas não adiantouitororo2“Ele pegou a gente no acostamento. Quando ele jogou de frente o nosso carro rodou foi para o outro lado e o dele foi para a ribanceira. Minha filha morreu nos meus braços, minha mãe morreu do meu lado e eu aparava o sangue do meu irmão para reanimar”, disse Sandra.O irmão de Sandra também falou sobre a situação que a irmã enfrenta. “Ela [Sandra] está toda abalada. Acabou o mundo pra gente. //Blog do Anderson

A gente não tem nem ânimo para viver porque era nosso casal de velhinho e minha sobrinha querida, meu irmão que trabalhava junto comigo de mototáxi”, comentou. O motorista do outro automóvel envolvido na batida, um homem de 61 anos, sofreu ferimentos leves e foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até o Hospital Cristo Redentor, em Itapetinga. De acordo com a polícia ele apresentou sinais de embriaguez. A PRE informou que o homem deixou o hospital sem comunicar a saída para a equipe médica. Os corpos das vítimas já foram liberados dos Instituto Médico Legal, mas não há detalhes sobre o enterro.



Comentários

Os comentários estão fechados.